Pesquisar neste blog

 


ARQUIVOS

Agosto 2012

Março 2008

Novembro 2006

Outubro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004


POSTS RECENTES

Cancro - Português ajuda...

Ferraris Falsos

O Português que foi admit...

O MEL E A CANELA

Último dia de trabalho do...

ANEDOTAS

Enganos

Funcionária da TAP

Coisas de Psicólogo

Para rir um pouco..


ÚLT. COMENTÁRIOS

Para quando?
gostaria de saber as medidas certas para se tomar ...
Achei uma gracinha todos estss comentários. Realme...
amei!!!!!!!!!!!!!!kkkkkk quem fala o que quer... e...
Carissímos senhores,já não posso pedir desculpas p...


POSTS MAIS COMENTADOS

51 comentários
6 comentários
5 comentários
4 comentários

  • A Bordo
  • Abrupto
  • Acanto
  • Adufe
  • Alfacinha e Alentejana (Esquilazul)
  • Almocreve das Petas
  • A minha Matilde
  • A Montanha Mágica
  • Amorizade
  • Analiticamente Incorrecto *
  • Apatia
  • A Pileca * *
  • Arte e Manhas
  • A Origem das Espécies
  • Asul * *

  • Bem Informado
  • Blogopédia *
  • Blogue de Esquerda II
  • Blogo Existo
  • Blogo Social *
  • Blogo no Sapo
  • Bomba Inteligente

  • Cibertúlia
  • Cientista Maluca
  • Citador
  • Classe Média
  • Clube das Mulheres *
  • Crónicas da Terra
  • Crítico Musical *

  • Depois da Noite * *
  • Desabafos de um médico
  • Doce da Avozinha * *

  • Enciclopédico * *
  • Exacto

  • Formiguinha Atómica
  • Fumaças

  • Garfiar *
  • Grilinha
  • Guia Sexual

  • Heiligenschein *
  • Homem A Dias

  • It takes two to tango *

  • Janela para o Rio
  • João Pereira Coutinho
  • Jóias da Coroa
  • Josi *

  • Kynas

  • Lugar Efémero

  • Malandra *
  • Marretas
  • Médico Explica
  • Memória Inventada
  • Miniscente
  • Mosketeros Insólitos
  • Mulher dos 50 aos 60
  • Mundo da Lua * *

  • No Quinto dos Impérios

  • O Blog da Nexinha
  • O Blog da Papoila
  • O Blog da Treta
  • O Cafajeste
  • Odisseia D'um Motard *
  • O Melhor Anjo
  • O Meu Diário
  • O Projecto
  • Origem do Amor
  • O Vizinho

  • Palavras em Férias *
  • Pandora's Box
  • Pequenos Deuses
  • Portal das Curiosidades
  • Portocarago * *
  • Prazer Inculto
  • Preceitos *
  • Prima Desblog

  • Querido Leitor
  • Quezia

  • Reflexos de Azul
  • Rua da Judiaria

  • Santos Passos * *
  • Sobre Tudo
  • Síndrome de sjogren
  • Sorrisos de misericórdia *
  • Socioblogue

  • Terras do Nunca
  • The Amazing Trout Blog
  • Tradução Simultânea
  • Tua Prima
  • Tucano Azul *
  • Tudo de mim *

  • Um Blog Sobre Kleist
  • Universos Críticos

  • Viagem *

  • Coloque o meu selo no seu Blog
    Click no selo p/ copiar
    primeiro blog



    VISITAS










    Entre, Dê uma olhadela !

    Blog sobre o Sindrome de Sjogren
    Click for Lisbon, Portugal Forecast

    blogs SAPO
    O primeiro Blog de Ferreira Santos


                                                                   
    Se não visualizar bem os acentos, actualize a página !!

    Utilidades
  • O que é um blog?
  • Onde criar um blog?
  • Blogo no Sapo
  • Weblogs no Sapo
  • Divulgação
  • Ferramentas úteis
  • Fotolog no Mundo
  • B-Log
  • Jornalblog
  • Velocidade ADSL
  • Directório de Blogs


  • Interactivos
  • Flowgo
  • Smiley central
  • Ease-Cards
  • Friendship
  • Cartões Virtuais


  • Janelas blogosfera
  • Weblog pt
  • Blogs do Sapo
  • PTBloggers
  • Blogs em pt
  • Metablogue
  • Fórum Ptweblogs
  • Piores Blogs
  • Conversas de Café
  • Blog Clipping
  • Blogger
  • Blogolista
  • Bloco-Notas
  • Jornal colectivo
  • Simplesnet


  • Motor de Busca
  • Vários
    Audio - Mid
    Ouça música enquanto navega no Primeiro blog. Faça Alt-Tab para navegar entre páginas

    Notícias
  • Última hora
  • Notícias Google
  • Visão
  • TSF
  • Record


  • TVs
  • Jornal do aniversário
  •   

         


    ARTIGOS

    Segunda-feira, 27 de Dezembro de 2004

    O verdadeiro coitado

    Um sujeito encontra um amigo que não via há muito tempo e, querendoser simpático, inicia a conversa: - Então Paulinho, tudo bem? - Péssimo. - Responde o outro. - Mas como... Com aquele Ferrari que tu tens? - Perda total num acidente... E o seguro tinha acabado de vencer... - Bem, vão-se os anéis, mas ficam os dedos... E aquele teu filho tãointeligente? - Estava a conduzir o Ferrari... Morreu. O sujeito tenta fugir daquele assunto tão trágico: - E aquela tua filha que parecia uma modelo? - Pois é... Estava junto com o irmão... Só a minha mulher é que nãoestava no carro. - Graças a Deus! Como é que ela está? - Fugiu com o meu sócio... - Bem... Pelo menos a empresa ficou só tua. - Sim, falida... Totalmente falida... Estou a dever milhões! - Bem, vamos mudar de assunto, e o teu clube? - Está muito mal, sou Benfiquista! - Pelo amor de Deus, Paulinho! Tu não tens nada de positivo? - Tenho. O HIV!
      

    go_up.gif  Voltar ao topo

    Publicado por: Ferreira Santos às 17:42
    link do post | Comentar | Ver comentários (2) | favorito

    Lombrigas...

    Numa aula de Ciências do 6º ano o professor inicia uma experiencia:- 4 lombrigas são colocadas em quatro tubos de ensaio separados:a primeira lombriga em álcool;a segunda lombriga em fumo de cigarro;a terceira em esperma; ea quarta em terra natural.No dia seguinte o professor mostra aos alunos o resultado:a primeira lombriga, em álcool, está morta;a segunda, no fumo do cigarro, está morta;a terceira, em esperma, está morta;a quarta, em terra natural, está viva.O professor comenta que é bastante nítido o que é prejudicial e pergunta àclasse:"O que podemos aprender desta experiência?"Responde imediatamente o Joãozinho:"Temos de beber, fumar e foder em abundância para não termos lombrigas!"
      

    go_up.gif  Voltar ao topo

    Publicado por: Ferreira Santos às 17:40
    link do post | Comentar | favorito

    O padre

    Num autocarro, um padre senta-se ao lado de um sujeito completamente bêbado, que tenta, com muita dificuldade, ler o jornal. Com voz empastada,o bêbado pergunta ao padre: - O senhor sabe o que é artrite? Irritado, o pároco respondeu: - É uma doença provocada pela vida pecaminosa e desregrada, mulheres, promiscuidade, farras, excesso do consumo de álcool e outras coisas que nem digo! O bêbado calou-se e continuou com os olhos fixos no jornal. Alguns minutos depois, achando que tinha sido muito duro com o bêbado, o padre, tenta amenizar dizendo: - Há quanto tempo o senhor está com artrite? - Eu? Eu não tenho artrite! Segundo este jornal, quem tem é o Papa!
      

    go_up.gif  Voltar ao topo

    Publicado por: Ferreira Santos às 17:38
    link do post | Comentar | favorito
    Quinta-feira, 9 de Dezembro de 2004

    PPPPPPPPPPPPPP.........

    APENAS A LÍNGUA PORTUGUESA NOS PERMITE ESCREVER ISTO...Pedro Paulo Pereira Pinto, pequeno pintor português, pintava portas,paredes, portais. Porém, pediu para parar porque preferiu pintar panfletos.Partindo para Piracicaba, pintou prateleiras para poder progredir.Posteriormente, partiu para Pirapora. Pernoitando, prosseguiu paraParanavaí, pois pretendia praticar pinturas para pessoas pobres. Porém, pouco praticou, porque Padre Paulo pediu para pintar panelas, porém posteriormente pintou pratos para poder pagar promessas. Pálido, porém personalizado, preferiu partir para Portugal para pedir permissão para papai para permanecer praticando pinturas, preferindo, portanto, Paris. Partindo para Paris, passou pelos Pirineus, pois pretendia pintá-los. Pareciam plácidos, porém, pesaroso, percebeu penhascos pedregosos, preferindo pintá-los parcialmente,pois perigosas pedras pareciam precipitar-se principalmente pelo Pico, porque pastores passavam pelas picadas para pedirem pousada, provocando provavelmente pequenas perfurações, pois, pelo passo percorriam, permanentemente, possantes potrancas. Pisando Paris, pediu permissão para pintar palácios pomposos, procurando pontos pitorescos, pois, para pintar pobreza, precisaria percorrer pontos perigosos, pestilentos, perniciosos, preferindo Pedro Paulo precaver-se. Profundas privações passou Pedro Paulo. Pensava poder prosseguir pintando, porém, pretas previsões passavam pelo pensamento, provocando profundos pesares, principalmente por pretender partir prontamente para Portugal. Povo previdente! Pensava Pedro Paulo... Preciso partir para Portugal porque pedem para prestigiar patrícios, pintando principais portos portugueses. Paris! Paris! Proferiu Pedro Paulo. Parto, porém penso pintá-la permanentemente, pois pretendo progredir. Pisando Portugal, Pedro Paulo procurou pelos pais, porém, Papai Procópio partira para Província. Pedindo provisões, partiu prontamente, pois precisava pedir permissão para Papai Procópio para prosseguir praticando pinturas. Profundamente pálido, perfez percurso percorrido pelo pai. Pedindo permissão, penetrou pelo portão principal. Porém, Papai Procópio puxando-o pelo pescoço proferiu: Pediste permissão para praticar pintura, porém, praticando, pintas pior. Primo Pinduca pintou perfeitamente prima Petúnia. Porque pintas porcarias? Papai, proferiu Pedro Paulo, pinto porque permitiste, porém, preferindo,poderei procurar profissão própria para poder provar perseverança, pois pretendo permanecer por Portugal. Pegando Pedro Paulo pelo pulso, penetrou pelo patamar, procurando pelos pertences, partiu prontamente,pois pretendia pôr Pedro Paulo para praticar profissão perfeita: pedreiro! Passando pela ponte precisaram pescar para poderem prosseguir peregrinando. Primeiro, pegaram peixes pequenos, porém, passando pouco prazo, pegaram pacus, piaparas, pirarucus. Partindo pela picada próxima, pois pretendiam pernoitar pertinho, para procurar primo Péricles primeiro. Pisando por pedras pontudas, Papai Procópio procurou Péricles, primo próximo, pedreiro profissional perfeito. Poucas palavras proferiram, porém prometeu pagar pequena parcela para Péricles profissionalizar Pedro Paulo. Primeiramente Pedro Paulo pegava pedras, porém, Péricles pediu-lhe para pintar prédios, pois precisava pagar pintores práticos. Particularmente Pedro Paulo preferia pintar prédios. Pereceu pintando prédios para Péricles, pois precipitou-se pelas paredes pintadas. Pobre Pedro Paulo, pereceu pintando..." Permita-me, pois, pedir perdão pela paciência, pois pretendo parar para pensar... Para parar preciso pensar. Pensei. Portanto, parei. PRONTO... E você ainda se acha o máximo quando consegue dizer: "O Rato Roeu a Rolha da gaRRafa de Rum do Rei da Russia."?
      

    go_up.gif  Voltar ao topo

    Publicado por: Ferreira Santos às 19:06
    link do post | Comentar | favorito

    Moleque fofoqueiro

    Uma mulher viaja por dois dias para visitar uma amiga doente e, quando ela volta a casa, o seu filhinho a abraça dizendo:- Mamãe, mamãe, adivinha o que aconteceu? Ontem, enquanto eu estavabrincando dentro do seu armário, o papai entrou no quarto com a vizinha,eles tiraram a roupa, deitaram na cama, o papai pulou em cima dela e....A mãe cobre a boca do menino com a mão e diz:- Não diga mais nada agora, meu filho. Vamos esperar seu pai voltar e vocêrepete isso, ok?O pai volta do trabalho e a mulher lhe joga na cara:- Vou embora. Vou fazer as malas e vou embora.- Mas por quê ???A mãe, volta-se para o menino e diz:- Fala, filho. Conta pra ele o que você me falou.E o garotinho:- Ontem, enquanto eu estava brincando dentro do seu armário, o papaientrou no quarto com a vizinha, eles tiraram a roupa, deitaram na cama, o papai pulou em cima dela e eles fizeram igualzinho a você e o tio Manuel, quando papai viajou no mês passado.
      

    go_up.gif  Voltar ao topo

    Publicado por: Ferreira Santos às 19:00
    link do post | Comentar | favorito
    Sábado, 4 de Dezembro de 2004

    Cientista


      

    go_up.gif  Voltar ao topo

    Publicado por: Ferreira Santos às 23:42
    link do post | Comentar | favorito

    As aparências enganam...

    Olha a confusão que uma conclusão precipitada pode causar.Em um determinado país foi criado um programa de incentivo à natalidade,pois o número de habitantes estava caindo e a proporção de Idosos cresciaassustadoramente. Necessitando de mão-de-obra, o governo decretou uma leique obrigava os casais a terem um certo número de filhos.Previa também uma tolerância de cinco anos após os Casamento, fim dos quais,o casal deveria ter pelo menos um pimpolho. Aos casais que no fim do prazo não conseguissem ter um filho, o governo destacaria um agente auxiliar para que a criança fosse gerada.Neste cenário se deu o seguinte diálogo entre um Casal:MULHER: Querido, completamos hoje 5 anos de casamento!MARIDO: É... e infelizmente não tivemos nenhum filho.MULHER: Será que eles vão mandar o tal agente?MARIDO: Não sei... talvez mandem.MULHER: E se ele vier?MARIDO: Bem, eu não posso fazer nada.MULHER: E eu, menos ainda...MARIDO: Vou sair, já estou atrasado para o trabalho.Logo após a saída do MARIDO, bateram à porta: TOC, TOC,TOC!!!!A MULHER abriu e encontrou um HOMEM de boa aparência à espera.Tratava-se de um fotógrafo que saiu para atender um chamado de uma famíliaque queria fotografar sua criança recém-nascida, mas que por um engano,errara o endereço procurado. E o diálogo se seguiu:HOMEM: Bom dia! Eu sou...MULHER: Ah, já sei! Pode entrar.HOMEM: Obrigado. Seu esposo está em casa?MULHER: Não. Ele foi trabalhar.HOMEM: Presumo que esteja a par.MULHER: Sim, ele já está sabendo de tudo. Eu também concordo.HOMEM: Ótimo. Então vamos começar.MULHER: Mas já? Tão rápido...HOMEM: Preciso ser breve, pois tenho ainda 16 casas para visitar.MULHER: Minha nossa! O senhor agüenta?HOMEM: O segredo é que eu gosto do meu trabalho, me dá muito prazer!MULHER: Então vamos começar. Como faremos?HOMEM: Permita-me sugerir: uma no quarto, duas no tapete, duas no sofá.MULHER: Serão necessárias tantas?HOMEM: Bem, talvez possamos acertar na mosca já na primeira tentativa.MULHER: O senhor já visitou alguma casa neste bairro?HOMEM: Não, mas tenho comigo algumas amostras do meu trabalho(mostrou algumas fotos de crianças). Não são lindas??MULHER: Como são belos estes bebês! Foi o senhor mesmo quem fez?HOMEM: Sim. Veja esta aqui, por exemplo, foi conseguida na porta dosupermercado.MULHER: Que horror! O senhor não acha muito público?HOMEM: Sim, mas a mãe queria muita publicidade.MULHER: Eu não teria coragem!!!HOMEM: Esta aqui foi em cima do ônibus.MULHER: Cacilda!!!HOMEM: Foi um dos serviços mais difíceis que já fiz.MULHER: Claro, eu imagino!HOMEM: Esta foi feita no inverno, em um parque de Diversões.MULHER: Credo! Como o senhor conseguiu? Não sentiu frio?HOMEM: Não foi fácil! Como se não bastasse a neve caindo, tinha uma multidãoem volta. Quase não consegui acabar .MULHER: Ainda ! bem que sou discreta, e não quero ninguém nos olhando.HOMEM: Ótimo, eu também prefiro assim. Agora, se me dá licença, eu precisoarmar o tripé.MULHER: Tripé?!!!HOMEM: Sim madame, pois o negócio, além de pesado, depois de armado medequase um metro....a mulher desmaiou...
      

    go_up.gif  Voltar ao topo

    Publicado por: Ferreira Santos às 23:18
    link do post | Comentar | favorito