Pesquisar neste blog

 


ARQUIVOS

Agosto 2012

Março 2008

Novembro 2006

Outubro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004


POSTS RECENTES

Cancro - Português ajuda...

Ferraris Falsos

O Português que foi admit...

O MEL E A CANELA

Último dia de trabalho do...

ANEDOTAS

Enganos

Funcionária da TAP

Coisas de Psicólogo

Para rir um pouco..


ÚLT. COMENTÁRIOS

Para quando?
gostaria de saber as medidas certas para se tomar ...
Achei uma gracinha todos estss comentários. Realme...
amei!!!!!!!!!!!!!!kkkkkk quem fala o que quer... e...
Carissímos senhores,já não posso pedir desculpas p...


POSTS MAIS COMENTADOS

51 comentários
6 comentários
5 comentários
4 comentários
blogs SAPO
Terça-feira, 1 de Março de 2005

Um pai "coruja"

Um pai "coruja" bebia uma cerveja e via a TV na sala, vigiando a sua filhinha de 15 anos, que namorava na varanda. Quando a "bejeca" começa a fazer efeito, fica sonolento e com comichão no ouvido, resolve coçá-lo com um amendoim, até que a casca parte e o caroço do amendoim fica entalado no ouvido. O sujeito fica desesperado, começa a tentar tirar o amendoim com o dedo e empurra-o mais para dentro. Pega numa tampa de caneta Bic e...Merda! O amendoim entrou ainda mais. Nisto, o sujeito já em pânico, grita, chamando pela mulher, que veio a correr e, apavorada, já queria levar o marido, bêbado, para o hospital. O "artista" não queria - que chatice! - Sou um homem de posição, não posso expor-me ao ridículo, etc.,etc., etc.. A filha e o namorado, de 16 anos, entram na sala para ver o que estava a acontecer. A filha diz: - Pai, o que é isso? Que vergonha! O namorado da filha: - Calma, que eu resolvo. Quando era escuteiro, eu é que socorria osamigos! O homem, sem outra alternativa, apavorado, e com aquele "puto" a darpalpites, acabou por aceitar a ajuda. O catraio mete dois dedos no nariz do marmanjo, e diz: - Feche a boca e sopre pelo nariz com bastante força! E não é que o maldito amendoim saiu do ouvido! O namoradinho sai todo convencido. A filha fica toda apaixonada e amulher, encantada com o eficientíssimo rapaz, diz ao marido: - Vês que jeitoso? Tão calmo, tão controlado nas emergências... O queserá que ele vai ser quando crescer? E o marido, já sem graça, responde: - Pelo cheiro dos dedos, ginecologista!
  

go_up.gif  Voltar ao topo

Publicado por: Ferreira Santos às 18:44
link do post | Comentar | favorito